terça-feira, 26 de julho de 2011

Entrando em uma mente perturbada

De: Cecília Arruda 
Enviada em:  segunda-feira, 03 de janeiro de 2011  11:46
Para: Luis Di Vasca
Assunto: Trabalho
Oi Divasca tudo certinho?
Bem, meu nome é Cecília, dentre outras coisas editamos muitos livros infantis, infanto-juvenis temos bastante demanda de ilustração. Um amigo me indicou seu portfólio online e ficamos admiradíssimos aqui com o seu talento. Ficamos todos da equipe aqui de queixo caído. Então antes de tudo queria te dar os parabéns pelo talento e pelo trabalho maravilhoso que é realmente de encher os olhos! Aproveito pra te perguntar se aceita um trabalho que queremos te passar. Vamos usar umas caricaturas pequeninas em estilo meio mangá da nossa equipe que vai aparecer no expediente dos livros, são 7 pessoas, aceita? assim que der o feedback posso te mandar as fotos. Deixa eu esclarecer também que não contamos com budget mas se você aceitar fica aqui na nossa lista e podemos te chamar sempre pra trabalhos futuros. Fico no aguardo
Beijão


De: Luis Di Vasca
Enviada em:  segunda-feira, 03 de janeiro de 2011 11:57
Para: Cecília Arruda
Assunto: RE: Trabalho
Cecília, você é impressionante.


De: Cecília Arruda
Enviada em:  segunda-feira, 03 de janeiro de 2011 12:00
Para: Luis Di Vasca
Assunto: RE: RE: Trabalho
Obrigada, fofo


De: Luis Di Vasca
Enviada em:  segunda-feira, 03 de janeiro de 2011 12:23
Para: Cecília Arruda
Assunto: RE: RE: RE: Trabalho
Não foi um elogio. Olha só, normalmente eu não prolongo a conversa, mas como acabei de assistir um filme com um drama psicológico muito intenso, acho que baixou o Freud em mim e eu acabei desenvolvendo um estranho interesse em entender direito o que está passando na mente das pessoas, vamos lá. Bem, deixe-me ver se eu entendi direito: Eu faço um trabalho gratuitamente pra você e como pagamento me promete mais trabalhos gratuitos?
Atenciosamente,
Di Vasca


De: Cecília Arruda
Enviada em:  segunda-feira, 03 de janeiro de 2011 12:32
Para: Luis Di Vasca
Assunto: RE: RE: RE: RE: Trabalho
Oi Divasca,
Claro que não, você fica encaixado aqui na nossa lista e para os próximos, pagaremos o freelancer com certeza. Posso mandar as fotos?
Beijão


De: Luis Di Vasca
Enviada em:  segunda-feira, 03 de janeiro de 2011 14:00
Para: Cecília Arruda
Assunto: RE: RE: RE: RE: RE: Trabalho
Tá bem, começou a ficar confuso pra mim. Não, antes das fotos quero entender o que me propõe. Quer dizer que vocês possuem sim uma verba disponível para o pagamento, somente pagarão nas próximas e não nessa. Não está claro pra mim o porquê, quer dizer que a ordem dos trabalhos vai influenciar no valor dos mesmos, partindo de um valor zero?
Atenciosamente,
Di Vasca

De: Cecília Arruda
Enviada em:  segunda-feira, 03 de janeiro de 2011 16:18
Para: Luis Di Vasca
Assunto: RE: RE: RE: RE: RE: RE: Trabalho
Oi Divasca,
Não é bem assim, usaremos este primeiro trabalho unicamente como uma amostra do seu talento, pra ver se gostamos do seu trabalho. Para que aí sim possamos estabelecer uma parceria e utilizar os seus serviços constantemente e devidamente remunerados. Bem seguem as fotos.

Beijão


De: Luis Di Vasca
Enviada em:  segunda-feira, 03 de janeiro de 2011 16:40
Para: Cecília Arruda
Assunto: RE: RE: RE: RE: RE: RE: RE: Trabalho
Eu sou o culpado disso, eu desenvolvi essa conversa e bem previa que estaria entrando no terreno perigoso da sua mente. Bem, a cada resposta sua eu entendo menos, quer dizer que o primeiro trabalho será um teste, como uma prova do meu talento pra vocês, corrija-me se estiver errado mas não é este o mesmo talento que você se desdobrou em elogios no nosso primeiro contato?
Atenciosamente,
Di Vasca

De: Cecília Arruda
Enviada em:  segunda-feira, 03 de janeiro de 2011 18:09
Para: Luis Di Vasca
Assunto: RE: RE: RE: RE: RE: RE: RE: RE: Trabalho
Oi Divasca,
A decisão é sua, se não quiser fazer então não faça, mas estará perdendo uma chance porque conversamos aqui e a certeza da equipe é tanta que você seria um potencial contato que já poderia considerar os próximos trabalhos pagos.

De: Luis Di Vasca
Enviada em:  segunda-feira, 03 de janeiro de 2011 18:30
Para: Cecília Arruda
Assunto: RE: RE: RE: RE: RE: RE: RE: RE: RE: Trabalho
Olá Cecília, tudo bem?
Então vocês podem considerar as caricaturas feitas. Aliás estão feitas mesmo, na verdade só uma, você. Mas é só copiar ela seis vezes que temos a equipe inteira representada.
Atenciosamente,
Di Vasca





38 comentários:

  1. Apesar de serem situações inventadas e alguns textos pego em outros sites extrangeiros, o blog é muito divertido e bem escrito. Parabéns ao redator!

    ResponderExcluir
  2. Respostas
    1. Você realmente nunca viu uma picareta e nem uma foice.

      Excluir
  3. Bruno, inventadas? Já passei por pelo menos metade das situações aqui expostas, aposto que tem gente que passou por mais ainda. Mania de brasileiro de querer ficar sempre denegrindo as coisas dos outros, afe. "Parabéns ao redator" então... pqp. O cara vem aqui pra criticar e traveste de elogio. Não sou amigo do Di Vasca nem nada do gênero, me divirto muito com o blog e já passei por várias situações aqui descritas. Mania besta de querer detonar os outros desse povinho... ficou com inveja pq o blog não é seu, fofa?

    ResponderExcluir
  4. O mais engraçado é como o e-mail vem todo "enfeitado" com palavras. E a ameaça clássica de que você "está perdendo uma grande oportunidade". Aff.

    ps: Pessoal que diz que as histórias são cópias modificadas, vocês não trabalham ou nunca trabalharam na área né? Porque cliente gente, em sua maioria, é igual em qualquer canto do mundo. Como o FernandoAX disse, quem é da área, passa por situações parecidíssimas. (pra não dizer iguais!)

    ResponderExcluir
  5. HAHAHAHAHA Eu nem sempre tenho oportunidade de comentar aqui, mas queria deixar registrado que não tem um dia que eu entro aqui e não choro de rir sozinho. Não trabalho na área, mas tenho amigos que trabalham e sei que não foge muito disso. As situações são parecidíssimas, quando não idênticas, como citado no comentário acima. A diferença é que nem todos tem a perspicácia e bom humor que o DiVasca tem.

    Acho que o mais importante é que realmente o DiVasca levanta um questionamento importante sobre várias coisas, inclusive como o "reconhecimento", que deveria vir naturalmente, hoje em dia é tão escasso que virou "moeda de troca". Triste essa realidade.

    Em tempo, queria saber, de onde você é, Divasca?

    ResponderExcluir
  6. Até como advogado já passei por situações muito parecidas...Os caras nos elogiam e depois falam que vão nos testar...se der certo pagam...PICARETAS é o que não faltam...e quem fica disfarçando críticas como se fosse elogios, só pode ser amigo do Paulo José...

    ResponderExcluir
  7. Eu sou tradutora. Sei bem como são essas tipos de clientes."Vamos encaminhar um texto para tradução, só para teste..."
    Tem aquele ditado: quem muito se abaixa, um dia mostra o cofrinho.
    Manda esse pessoal pastar. Todo trabalho tem um preço, e não é bom desperdiçar talento nem tempo com gente que pensa que pode tratar profissional do jeito que quer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Da próxima vez traduza p/aramaico, afinal de contas se a tradução é gratuita fica a critério do tradutor o idioma.

      Excluir
  8. Pior é quando são seus amigos que querem te explorar.

    ResponderExcluir
  9. Eu passo por isso em análise de sistemas também, tive um contato que pediu para fazer arquivo do SPED Contábil no sistema dele. O cara já estava me enrolando quando falei que deveria me pagar um percentual para cada fase do projeto apresentada.
    Concluí que que devia levar cerca de 120 horas de desenvolvimento no total. Bixo folgado veio perguntando se não dava para diminuir pela metade esse tempo, respondi que até dava, mas o governo poderia não aceitar metade do arquivo apenas.

    ResponderExcluir
  10. Quem acha que as histórias do diVasca são falsas, devia ler a entrevista dele no Estadão:
    http://blogs.estadao.com.br/tragico-e-comico/2011/07/24/entrevista-di-vasca/

    ResponderExcluir
  11. Pergunta pra ela se não quer imprimir uma tiragem de livros de graça só pra ver se o talento da editora é bom...
    Rsrsrsrrsrss!

    Quanta gente ruim nesse mundo!!

    ResponderExcluir
  12. Incrível, né.... povo picareta dos infernos!!

    Eu falo isso: o dia que remédio, casa e comida forem de graça, eu trabalharei de graça tb..

    ResponderExcluir
  13. Pelo jeito a Ana Cristina passou o blog pro titio dela e agora a família inteira vem aqui trollar!

    Muito bom o email, ri demais! Queria ver a cara da picareta ao ver a caricatura!

    ResponderExcluir
  14. Sensacional, Di Vasca.

    Sou ilustrador também e já passei por algo parecido.

    ResponderExcluir
  15. Poxa, Di Vasca, tem como colocar pra seguir teus posts pelo facebook não? Nem por "10 reau"?

    ResponderExcluir
  16. Cara, que mulher doente... Po, não tem budget, a regra é clara: não faz.

    Cara, parabéns pelo blog, é muito bacana e expõe (mesmo que com nomes fictícios) a cara de pau de algumas pessoas ao contratar serviços.

    ResponderExcluir
  17. kkkkkkkkkkk!

    Toh de alma lavada!
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  18. Eu queria ver a cara da mulher qdo ela abriu o email... hehehehehe

    ResponderExcluir
  19. Um cara uma vez me pediu para fazer uma capa de um DVD músical pra ele, disse pra enviar pro e-mail dele "porque precisaria urgente", e que pagava depois.
    Eu enviei, com 200x200 de resolução.
    Engraçado é que até hoje ele não veio buscar o arquivo, e nem pagar o restante.

    RauLIzar.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. Então é inventado. o cara ñ passou por isso. aff. Mas é divertido ainda assim.

    ResponderExcluir
  21. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  22. Quem acha que as histórias do diVasca são falsas, devia ler a entrevista dele no Estadão: [2]

    http://blogs.estadao.com.br/tragico-e-comico/2011/07/24/entrevista-di-vasca/

    ResponderExcluir
  23. Cara, eu realmente morro de rir com suas postagens... e mais ainda com a cara de pau dos tratantes... parabens pelo blog...

    abraço!

    ResponderExcluir
  24. sensacional! Q mulher escrota, acha q vai passar a perna em quem, desse jeito?
    Pior q tem palhaço a cai!

    ResponderExcluir
  25. Hauahauahaua!ótimo! mas, cê não motrou a resposta da mulher..

    ResponderExcluir
  26. É surreal!!! Eu tô bestificada com tudo que estou lendo... gente, eu já tinha infartado de ódio! O.O
    Você é espetacular! Encantada!

    ResponderExcluir
  27. Oi Divasca,adorei seu blog, e já pode me cobrar pq estou pegando sua experiência de vida como manual. Manual para não enfartar com os picaretas/foices da vida. Sou estudante de moda, e meu foco é ficar na parte de edição/tratmento de imagem do mundo fashion. e já tô é vendo o tanto de "divasca's pills" que terei que tomar para não surtar.
    Parabéns pelo bom humor!

    ResponderExcluir
  28. viver de arte num é facil, cada figura que aparece...

    ResponderExcluir
  29. Já passei senão por metade delas.

    ResponderExcluir
  30. Legal que todo mundo sempre quer uma "amostra" da sua arte, mas é pra isso que tem portfolio, não? Manda tomar no Cobre mesmo :B

    Haha, to aprendendo já, to vendo que vai ser difícil trabalhar com arte. :P

    ResponderExcluir
  31. Caros, sou analista de sistemas a mais de 23 anos e passei por problemas idênticos, será que é só aqui no Brasil ou em outros países é assim tb ? Morro de rir com as crônicas do Di Vasca, mas também fico muito triste por esse tipo de pessoa existir na vida real. Por isso é que eu nunca pego "freela", tento sempre trabalhar em empresas, pois a dor de cabeça é certa ! Salve Di Vasca !

    ResponderExcluir
  32. Posso atestar que já passei por várias situações muito parecidas ou piores que essas nesse ramo! É foda!

    ResponderExcluir
  33. "Bruno Ribeiro disse...
    Apesar de serem situações inventadas e alguns textos pego em outros sites extrangeiros, o blog é muito divertido e bem escrito. Parabéns ao redator!"

    Eu ia deixar passar mas nao aguentei. Só complementando o que já disseram ali, qual o problema do brasileiro em ver o sucesso dos outros? Aquele velho clichê "a inveja eh uma merda"!

    Pior de tudo foi ainda o "eXtrangeiros"

    ResponderExcluir
  34. só quem não vive da arte e/ou arquitetura e/ou design e/ou afins do gênero, acha que são situações inventadas ....
    e mesmo que fossem inventadas ... soam totalmente plausíveis para quem sobrevive da arte nesse nosso país. :-/////

    ResponderExcluir
  35. Dessa, não consegui nem rir. Tô mesmo chocada com a cara-de-pau de pessoas como a dessa mulher que ofereceu a excelente oportunidade de você mostrar, de novo, além do portfólio, que merece receber por trabalhar.

    ResponderExcluir